Flávio Cavalcante

O espectador merece todo nosso respeito, porque sem ele, não há quem possa nos aplaudir

Textos

BEIJO LÉSBICO OU BEIJO GAY? EIS A QUESTÃO!!
Artigo de:
Flávio Cavalcante
 
 
     Eis aí uma questão que polemizou as redes sociais. Se alguém conseguiu desvendar o que passa na cabeça da nossa sociedade, por favor me expliquem que até agora estou me sentindo um asno e não entendi absolutamente nada com alguns comentários vistos em determinados blogs e sites. Tá certo que estamos vivendo um momento que eu não sei explicar se é de fato um direto de liberdade, que cada tem a sua vida e faz dela o que bem entender ou eu dou um nome especial de libertinagem onde o país parece que perdeu a cabeça e esqueceu de dar ênfase a uma simples palavra chamada “RESPEITO” ou então parou de tomar o remédio da ordem e não está vendo que estas cenas abertas de algumas novelas não tem nada a acrescentar na cultura do nosso povo e estão cada vez mais afastando esse respeito, não só telespectador, como também causando um tsunami de contradições na cabeça da juventude e principalmente dentro dos lares.
 
     Não vejo nada demais um beijo entre duas pessoas do mesmo sexo; longe de mim se o caro leitor achar que eu estou expondo aqui algum tipo de preconceito, ainda mais numa situação em que já foi mostrado na própria TV aberta o beijo gay há dois anos atrás na novela Amor à vida onde a personagem “Felix” interpretado pelo glorioso Mateus Solano num momento de carícia com o “Niko” Personagem interpretado pelo Thiago Fragoso e aconteceu no horário nobre da Rede Globo a cena do ano comentada em todo país. Recentemente tivemos na novela “Liberdade, Liberdade” outra cena de beijo gay e dessa vez um pouco mais picante que o da novela anterior. A cena foi vivida pelos atores Ricardo Pereira e Caio Blat.  A cena durou cinco minutinhos. Nem o nu do ator mostrando o traseiro foi poupado além das carícias terminadas com belo e ofegante beijão. A sociedade aplaudiu achando lindo e maravilhoso, mas, na realidade foi um tanto pesada e desnecessária segundo a opinião de alguns telespectadores.
 
     O que me deixa intrigado é que em alguns blogs e sites vi comentários até maldosos de beijo entre lésbicas. Duas mulheres também não tem o direto mostrar o sentimento uma pela outra porque a sociedade taxa como asco e nojento? Onde está o direito de igualdade adquirido da mulher? Que sociedade machista estamos vivendo? Quer dizer então que o bicho homem pode se comer um ao outro em qualquer lugar, a sociedade acha lindo e maravilhoso e ainda joga confetes, serpentinas e ainda mais espalham o tapete vermelho achando tudo uma maravilha como numa bela festa de carnaval e no caso contrário a mulher ainda é massacrada com um pensamento de ditadura que nem parece que estamos vivendo em tempos modernos. Ousaram em uma das novelas da globo uma simulação de um beijo lésbico entre duas senhoras e os telespectadores caíram matando à ponto de um dos grandes diretores da emissora ter um ataque de chilique depois dos comentários maldosos em todo país.
 
     Já que o amor entre dois homens está liberado até em TV aberta, vejo com toda veemência em meu olhar crítico, que o beijo lésbico não tem nada demais, também. Partimos dos direitos de igualdade. A pior situação vemos nas paradas gays do país; esta mesma sociedade hipócrita que malham duas mulher apenas se beijando em Tv aberta, aprovam a libertinagem nessa festa de sacanagem em plena luz do dia, onde se ver pessoas fazendo sexo ao vivo e a cores em plena avenida, ferindo ao pudor público e na frente de crianças acompanhando pelos país, que até aprovam estas cenas achando tudo muito lindo e normal.
 
     Mesmo com a evolução dos tempos modernos, ainda encontramos pessoas com dupla personalidade ou então não estão entendendo o porquê da razão de estar vivendo nesse mundo de meu Deus.
 
     Acho que devemos parar de olhar a vida dos outros, porque enquanto nos preocupamos com isso, acabamos esquecendo de se olhar no espelho e enxergarmos que muitos dos nossos defeitos realçam muito bem em nós mesmos e cada um vive a vida que quer.

 
 
Flavio Cavalcante
Enviado por Flavio Cavalcante em 23/07/2016
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras