Flávio Cavalcante

O espectador merece todo nosso respeito, porque sem ele, não há quem possa nos aplaudir

Textos

DEUSA FEITA À PINCEL
Poema de:
Flávio Cavalcante
 
 
 I
Vestida de azul e sorriso encantador
Sua voz soa a doçura do favo de mel
Sua vida na vida em total esplendor
Cabelos grisalhos como plumas no céu

II
A imagem do sonho antes de acordar
Confusão em fusão de uma paisagem
Sobressai na tela da arte de encantar
O belo da bela fazendo ancoragem

III
Os pássaros e as borboletas seu perfil
Espontaneamente reflete em poesia
palavras meigas que o poeta proferiu
Josenira, nirinha sinônimos de alegria

IV
Contemplando a melhor da sua criação
Espontaneidade e requinte de nobreza
Semente Boa foi plantada no chão
Pra musa que carrega toda realeza

V
Aos olhos clínicos do artista foi eleita
Entre a Monaliza e bolero de Ravel
O resultado da sua tela mais perfeita
É a imagem da deusa feita à pincel
Flavio Cavalcante
Enviado por Flavio Cavalcante em 19/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras