Flávio Cavalcante

O espectador merece todo nosso respeito, porque sem ele, não há quem possa nos aplaudir

Textos

 TEU PERFUME
Poema de:
Flávio Cavalcante
 
 
Tem o aroma da flor do campo
Balouça no ar transmitindo o olor
Da agradável essência
Faz germinar sentimentos
Em corações ainda enternecidos
Aumenta o fogo num vulcão em erupção
Faz ter sentido viver intensamente a vida
impregna em forma adsorvida em nossa pele
Dá sensação de calor e frio em eternos alvitres
Dói quando se parte e alivia quando chega
Atrai os benévolos sentimentos e afasta os vis
Discirna o que tem de melhor na pureza do ser
Dá uma conotação de lembrança do porvir
Traz à tona uma saudade de outrora
E jamais repudia uma saudade contemporânea
Tudo isto é condimento em uma única essência...
 
Teu perfume.
Flavio Cavalcante
Enviado por Flavio Cavalcante em 27/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras